Ciclo de violência contra a mulher: reconhecer é proteger

Ciclo de violência contra a mulher: reconhecer é proteger

No combate à violência contra a mulher é urgente preparar nossas meninas e mulheres para reconhecer e pedir ajuda diante dos primeiros sinais de violência.

Priscilla Bernardes 25 jan 2023, 13:33

A discussão sobre o que é violência contra a mulher voltou a ser pauta. Seja pelas violências sofridas por Bruna, participante do BBB23, ou pela denúncia de abuso sexual envolvendo o jogador Daniel Alves.

Ambos os casos demonstram a necessidade de reconhecermos o ciclo da violência e as formas com que se expressa, mas é também importante sabermos que existe uma rede de apoio e acolhimento às mulheres em situação de violência e precisamos conhecer como acessá-las.

Por isso, nós do JUNTAS! , lutamos para que sejam criadas leis e políticas públicas que combatam a violência contra a mulher, como por exemplo o projeto de Lei da Deputada Federal Sâmia Bomfim, que visa incluir a discussão da Lei Maria da Penha nos currículos escolares. No combate à violência contra a mulher é urgente preparar nossas meninas e mulheres para reconhecer e pedir ajuda diante dos primeiros sinais de violência.

JUNTAS no combate à violência contra a mulher!


Inscrições para Reunião aberta “A luta contra a privatização dos presídios brasileiros”

Participe da reunião aberta do Juntas! sobre "A luta contra a privatização dos presídios brasileiros" no dia 13 de dezembro às 19h

Inscreva-se!

Parceiros

Entre em contato!

Política de privacidade

Mensagem enviada com sucesso!